Presente desde o surgimento das civilizações, o vinho é uma bebida que agrada a muitos paladares e é um item especial nas mais diversas ocasiões. Ao ocupar um papel primordial em várias culturas diferentes, cada garrafa carrega um legado histórico de grande importância no desenvolvimento da humanidade, como os vinhos portugueses, por exemplo.

    • Região da Bairrada e suas variedades de castas l
    • A região vinícola da Bairrada em Portugal é berço de diversos vinhos de alta qualidade e está localizada na região das Beira, entre Coimbra e Águeda e o litoral Atlântico. Trata-se de um local que tem conquistado cada vez mais importância e destaque no universo dos vinhos.

Baga é a principal uva cultivada, que pertence à classe das umas mais longevas, que produzem vinhos que carregam a vantagem de boa evolução com o passar dos anos. Devido às qualidades do solo, não é apenas o tinto que é produzido. Uvas brancas também dão origem a vinhos brancos de alta qualidade, além dos espumantes da Bairrada, que também estão se tornando cada vez mais conhecidos no mundo inteiro.

Isso só é possível devido às características da região, com solos calcários, por exemplo, que proporcionam alta qualidade, que pode se assemelhar ao local de produção da champanhe. Sendo assim, a qualidade dos vinhos da Bairrada é bastante reconhecida atualmente no mundo dos vinhos

Luis Pato, o Rei da Bairrada

Quando se fala na região vinícola de Bairrada de Portugal, o nome do enólogo Luis Pato não pode ficar de fora, pois está diretamente associado, já que ele foi um dos primeiros e o principal a dar força, êxito e reconhecimento à região.

Ao trabalhar minuciosamente as uvas, o enólogo conseguiu compreender melhor as particularidades do local e dar uma grande visibilidade a ele. Ele deu destaque, especificamente à casta baga, que antes da dedicação de Luis Pato, não tinha o reconhecimento que tem hoje em relação a sua qualidade na produção de boas safras.

      • Combinação perfeita entre tradição e inovação l
      • O resultado do trabalho do profissional, com experiência em ciência devido à formação em engenharia química e a vivência na região, procedeu no reconhecimento da baga como a uva de grande potencial de envelhecimento e de maior predominância da região. Para se ter uma ideia, esta casta pode atingir 30 a 40 anos.

Ao misturar inovação com tradição, o Rei da Baga acabou por trazer uma grande evolução para Portugal, ao mesmo tempo, sem perder as principais características da região, um país que sempre foi mais tradicionalista na questão da produção de vinhos.

Ao elaborar vinhos exclusivamente com as uvas plantadas em seus vinhedos, Luis Pato foi identificando as particularidades e pontos fortes da região, como a possibilidade de poda verde e a utilização de novas técnicas. Outra inovação foi o ato de denominar as parcelas dos vinhedos, conforme a qualidade.

        • Vinha Barbosa l
        • Um dos destaques é o Vinha Barrosa. O nome deste vinho vem justamente dessa denominação dos vinhedos, já que Vinha Barrosa é o nome de uma das parcelas do vinhedo de Luis Pato. A bebida foi elaborada com a casta baga, de vinhas com mais de 90 anos, com a tradição de não apresentar a interferências de produtos ou outras possíveis interferências na produção.

Agora que já conhecemos os encantos dos vinhos da região da Bairrada, se inscreva em nosso canal e adquira cada vez mais conhecimento sobre o mundo dos vinhos. Você também pode baixar nosso aplicativo.