Madeira é uma pequena ilha de Portugal capaz de produzir vinhos com alto potencial de envelhecimento, alguns passando até dos 100 anos. Os vinhos de sobremesa são fortificados, podendo ir dos meio secos até os doces, lembrando alguns estilos de Vinhos do Porto. Diferente de alguns locais, os processos de elaboração de vinhos da Madeira quase não mudou nos últimos 300 anos, fazendo com que se mantenha a tradição do local. 

Experiências

Conheça Mais

Os Madeiras possuem diferentes classificações de idade:

  • 5 anos, Reserva, Velho, Old, Vieux – 5 anos de envelhecimento
  • 10 anos, Reserva especial, Resrva Velha, Special Reserve, Muito Velho, Old Reserve, Very Old – 10 anos de envelhecimento
  • 15 anos, Extra Reserva, Reserva Extra – 15 anos de envelhecimento
  • 20, 30, 40, 50 ou mais de 50 – Mais raros. O blend deve ser uma média dessas idades.
  • Colheita – Vinhos de uma única safra. Devem ser envelhecidos 5 anos antes de irem para o mercado.
  • Frasqueira, Garrafeira – Vintages de safras especiais. Deve utilizar o método tradicional de envelhecimento chamado Canteiro, por 20 anos. 
O que é Comum Encontrar
  • Bala de Caramelo
  • Casca de laranja
  • Avelã
  • Pêssego

Castas

A predominância no cultivo da região é de vinhos brancos, com forte presença da Alvarinho e Loureiro. Porém podemos encontrar outras castas brancas e tintas no local:

Brancas: 

  • Boal
  • Sercial
  • Verdelho
  • Malvasia

Tintas:

  • Tinta Negra

Características

Acidez
Tanino
Corpo
Álcool
Cor – Branco ou tinto
Temperatura de Serviço – 12º a 15º